Home » Saúde » Doenças

O que é enxaqueca oftálmica?

Muitas pessoas têm problemas de visão e dores de cabeça sem saber que ambos os sintomas podem significar uma enxaqueca oftálmica.

Mulher com enxaqueca coçando o olho

A enxaqueca é parte comum da vida de muitas pessoas. Incômoda ao ponto de atrapalhar até os pensamentos de alguém, é uma das piores dores que existem, devido a sua natureza. Combater a enxaqueca, por sua vez, também é algo relativamente difícil, uma vez que todos os medicamentos só podem cortar o mal temporariamente, dando um alivio momentâneo, e que por conseguinte irá resultar em uma nova onda de dor.

Parte dessa dor explica-se, todavia, pelos diferentes tipos de enxaquecas que existem, podendo cada uma delas se manifestar de modo diferente. Conheça a enxaqueca oftálmica.

Sintomas da enxaqueca oftálmica

A enxaqueca é talvez o mal mais comum das pequenas doenças. De cada dez pessoas, ao menos seis sofrem de algum tipo de distúrbio ligado a isso. E embora seja uma doença muito comum, que leva anualmente pessoas a tomarem toneladas de remédios, pode se manifestar devido a vários fatores diferentes, e justamente por isso muitas vezes os medicamentos que tomamos não são suficientes para amenizar ou cortar o problema.

Mulher com enxaqueca ao lado de megafone

Entre as enxaquecas mais comuns e que dificilmente você irá conseguir tratar com remédios está a enxaqueca oftálmica. Comum ao ponto de um por cento da população mundial sofrer da doença. E, embora receba o nome de “oftálmica”, se desenvolve no cérebro da pessoa.

A enxaqueca oftálmica acontece devido a uma anomalia na circulação sanguínea do cérebro, e recebe esse nome devido aos sintomas que então desencadeia. Existem vários, em diferentes graus de intensidade, sendo que alguns são bem violentos.

Entre estes, se destaca a própria dor de cabeça, que é forte e constante, e também acompanha distúrbios na visão, como visão embaçada, pontinhos coloridos e não raramente um tipo de névoa e um estranho ziguezague das formas.

Mas em seus ataques mais violentos, a enxaqueca oftálmica pode desencadear náuseas, provocar vômito e causar bastante tontura e intolerância a luz. O humor também fica alterado, e pode resultar até mesmo em um transtorno de déficit de atenção. Não são raros problemas com o apetite, bem como calafrios, dores por todo o corpo, hipertensão e um tom forte de palidez na pele.

Mulher no oftalmologista

É importante também salientar que o que torna essa doença tão problemática é que esta ocasiona ataques com intervalos aparentemente assintomáticos, em que nada se manifesta, para tornar a atacar em após esse intervalo de dois a quatro dias com a mesma intensidade, ou até mais violentamente.

Tratamento da enxaqueca oftálmica

Quando fala-se desse problema, um dado preocupante é que mais da metade dos pacientes com esse mau abusam dos analgésicos, e por isso não alcançam os resultados esperados. Alguns destes medicamentos podem sim ajudar a tratar a dor e diminuir as crises, mas é preciso usá-los de forma consciente e nos momentos certos.

Outros medicamentos, todavia, se tornam fundamentais, motivo pelo qual procurar um médico é indispensável. Além do uso de medicação, aplicar gelo sobre os olhos e na cabeça, deitar no escuro e fugir do barulho podem ajudar no tratamento.

Confira outras informações sobre este problema no vídeo a seguir.

Publicado por Andre Moreira
Revisado em 27/09/2017

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades

Comentar