Cólicas e corrimento no início da gravidez

Conheça as causas destes sintomas comuns no início da gravidez e saiba quando recorrer ao atendimento de um médico especialista.

Mulher com bolsa de água na barriga

Ao descobrir a gravidez, a mulher se torna uma pessoa ansiosa por conhecer logo seu filho, além de mostrar animação por mais um membro entrando na família, porém esta felicidade pode diminuir com o tempo, principalmente com o aparecimento dos sintomas da gravidez, estes que podem causar incômodos variados e interferir na vida e dia a dia de uma gestante. Alguns sintomas são considerados normais, sendo possível comprovar que a maioria das gestantes já os identificou quando passaram pela gravidez, porém alguns outros devem obter toda a atenção possível, pois podem identificar algum tipo de doença ou complicação no organismo, devendo recorrer ao médico.

Cólicas e corrimento no início da gravidez

Tanto as cólicas, quanto o corrimento no início da gravidez são considerados normais, ambos são sintomas que aparecem na grande maioria das gestantes. As cólicas e incômodos abdominais acontecem pela pressão que é exercida na musculatura pélvica quando o bebê está se movimentando ou crescendo, fazendo com que os ligamentos, veias e tecidos também exerçam pressão, podendo causar frequentes incômodos que podem ser interpretados como cólicas, gerando desconforto, porém passando dentro de algum tempo e, possivelmente, retornando alguns meses antes da concepção do bebê, porém, desta vez, em forma de contração uterina.

Tais contrações uterinas acontecem a partir do segundo ou terceiro mês, porém as mesmas são irregulares e fracas, sem que haja dor, fazendo com que a mulher consiga lidar mais fácil com as mesmas, porém, meses depois, é possível notar o desconforto com o aumento e intensidade. Os corrimentos também são comuns, o corrimento fisiológico, na verdade, é algo que acontece com qualquer mulher, estando, ou não, grávida, porém em menor quantidade. Já quanto gestante, a mulher apresenta o aumento do corrimento, até mesmo podendo passar por constrangimentos e devendo usar absorvente, fazendo com que a produção de estrogênio seja o causador deste tipo de sintoma.

Mulher com cólica

Cólicas e corrimento marrom no início da gravidez

Muitas mulheres apresentam cólicas no início da gravidez, o que é normal, assim como um corrimento marrom, o que pode gerar dúvida de muitas mulheres por não entenderem se este sintoma é, ou não, prejudicial. O corrimento marrom pode ser comum no início da gravidez, este possui o aspecto de borra de café e costumeiramente é notado pelas gestantes nos primeiros meses de gravidez, indicando que o feto está se fixando no útero, além de ser uma forma de eliminar alguns resquícios de menstruação, como uma secreção, podendo até mesmo ser acompanhado de coceira. Quando este tipo de corrimento aparece uma vez, o mesmo se torna normal, porém caso seja frequente, acompanhado de irritação no órgão feminino, é indicado consultar um médico.

Cólicas e corrimento claro no início da gravidez

O corrimento esbranquiçado é o mais comum no início da gravidez, este tipo de corrimento poderá durar por toda a gestação, exatamente pelo aumento de estrogênio no organismo de uma gestante. É comum que o corrimento seja esbranquiçado, leitoso e não apresente qualquer cheiro, assim como acontece diariamente com qualquer mulher, porém em maior quantidade, podendo ser facilmente notado.

Publicado por Gabriele
Revisado em 26/09/2017

Compartilhar

Comentar com Facebook

Receba novidades