Sobre o amor e relacionamentos

O amor e um relacionamento sério pode parecer coisa impossível, mas se tem amor é possível fazer dar certo e ser feliz a dois.

Balões 2Se existe algo melhor do que compartilhar os momentos e a vida com o outro, ainda não foi descoberto. Amar e ter amor pra dar parece algo tão rotineiro, algo que todos deviam experimentar um dia. É tão intenso querer alguém, é tão simples fazer bem a quem se ama. É tão fácil sentir o amor que ninguém pensa o quão difícil é mantê-lo. Como uma brasa na lareira, se não cuidar diminui e chega a se apagar.

Apaixone-se todos os dias

Manter um bom relacionamento é preciso ter amor. E nada melhor para ter amor do que se apaixonar. Apaixonar-se todos os dias pela mesma pessoa pode ser uma coisa incrível e nada impossível. Pequenas surpresas podem fazer a diferença e nem estamos falando de presentes caros.

Mais sobre Sobre o amor e relacionamentos

Que tal chegar mais cedo em casa ou ainda passar para buscar o seu amor no trabalho? A paixão está mais envolvida com se surpreender com as atitudes do que com o valor gasto. Aliás, muito mais valioso do que joias são as demonstrações de amor que não deixam dúvida.

Apaixonar-se todos os dias é sempre querer ver aquele sorriso, sempre dar aquele beijo de bom dia e boa noite. É procurar fazer o outro feliz, já que a sua felicidade depende da felicidade do outro. É também entender que nem tudo é perfeito e que não apenas com as qualidades, é preciso amar os defeitos e saber conviver com eles.

Sobre os erros e acertos

Pensando em uma vida a dois, o amor é algo maior ainda, tão maior que chamamos de relacionamento. E que também se não for muito bem alimentado, ele morre. E sabe o que sobra? Aquela bagunça no coração, aquela dúvida cruel do “onde foi que eu errei?”.

Encontro - sentados no banco com a bicicleta

Já dizia os mais antigos (e experientes) que é errando que se aprende. Pisar errado em um relacionamento pode significar mais uma cicatriz em seu coração. Por outro lado, acertar é muito mais complicado. Na dúvida, o melhor é sempre pensar no seu companheiro(a), o que faz bem a ele(a) e se realmente esse amor que está ai dentro pode ser visto pelo lado de fora, nos olhos, sorrisos e atitudes.

Acertar é fazer bem, é querer bem, é buscar fazer o outro feliz, já que no meio do amor a felicidade do outro também é a sua.

Vale lembrar que ninguém é perfeito – nem você – e se alguém errar com você, e se esse alguém é o seu lar, é o seu amor, releve. Perdoe. Ame. Uma boa conversa – sincera, por favor! – salva amores e relacionamentos. Aliás, para serem companheiros por uma vida é preciso serem amigos.

O amor se apaga?

Sabe aquela lareira de romances de cinema? O amor pode ser parecido sim. Arde, esquenta, aperta tanto o peito que chega a doer. Mas ele vai diminuindo, perdendo sua força, enfraquecendo e apaga. Mas existe uma maneira da chama não apagar. Ela precisa ser alimentada.

Amor

Alimentar o amor não envolve nada de restaurantes com jantares caros. Aquele bom dia, aquela visita inesperada, uma flor apanhada no jardim do vizinho, são pequenas atitudes que fortalecem o amor, e faz a chama vibrar.

Ter cumplicidade é mais do que guardar um segredo a dois. É compartilhar uma vida, gostos e sabores um do outro. Seja cumplice do seu amor. É você quem mais o conhece, sabe quando o olhar está triste, sabe pelo tom da voz quando algo está errado. Como já dizia a música, “cuide bem do seu amor”.

O amor e relacionamento não tem idade e nem geração. Confira um debate nesse vídeo do YouTube:

Por um relacionamento saudável, que o amor seja expresso e que seja pra durar.

30/03/15 por Ananda

   



Mais informações por email

Comentar