Montar um negócio próprio

Entenda como montar seu próprio negócio, veja como escolher o ramo ideal, como abrir uma empresa e como se registrar na categoria MEI.

Mulheres inaugurando um negócio

Ser o próprio patrão tem suas vantagens e suas dificuldades, principalmente quando se trata de dedicação ao trabalho, pois somente essa determinação fará o negócio prosperar, mas há também o fator planejamento que torna tudo mais concreto e real.

                       

O planejamento de um negócio requer muita cautela, como estudar o mercado em que irá atuar, o público que deseja atingir, e principalmente os documentos que tornam este sonho legalizado, e independente de ser um trabalho feito a partir de casa ou ainda a um escritório, tudo deve ser planejado com cuidado.

Como escolher o ramo de negócio?

Levar em consideração as habilidades e conhecimento que possui para a abertura de um negócio se tornam essenciais, assim como a decisão de possuir ou não colaboradores e sócios, ponderando em qual função irá atuar. O ramo deve ser planejado de acordo com o que se faz fácil e prazeroso para o novo empresário, buscando a partir das próprias habilidades, ou seja, se atua bem com vendas, considere uma loja, ou ainda com uma consultoria.

Considerar o novo negócio a partir do próprio interesse torna a futura empresa mais fácil de gerir, considerando que os conhecimentos que possui e que irá obter serão de validade para dar continuidade ao pensamento de obter um negócio próprio.

Dono da padaria

Como abrir uma empresa?

Defina como será o tipo de negócio primeiramente, seja um negócio individual ou ainda com o auxílio de colaboradores e funcionários, para poder se basear em quais trâmites legais deverá abrir a empresa legalmente. Analise a atividade que irá exercer e qual será o nome que a empresa terá para poder ser registrada, então os documentos poderão ser registrados em comprovação do novo negócio.

Cadastrar a empresa com CNPJ, registros em sindicatos e ainda o alvará de funcionamento serão necessários e nestes casos e nos demais, o futuro empresário poderá buscar auxílio através do SEBRAE que considera todas as informações a respeito da abertura de uma empresa.

Dona de estabelecimento

Como se registrar como microempreendedor individual

O registro é feito de forma gratuita em sua totalidade, ou seja, ao buscar as informações a respeito do registro, poderá encontrar em diversos lugares o registro gratuito, porém, as taxas anuais devem ser devidamente pagas. Este registro permite que o futuro empresário adquira seu CNPJ, e o número de inscrição na Junta Comercial para dar seguimento ao seu negócio. Seja através de contadores, do SEBRAE ou ainda no portal do Governo, o registro é gratuito, considerando o valor da taxa de formalização que pode ser paga durante o ano através de boleto.

Microempreendedor individual

Verifique se preenche os requisitos a respeito do registro de micro empreendedor individual, preencha o formulário online através do SEBRAE ou do portal do Governo, pesquise a disponibilidade do nome da empresa, imprima o documento quando finalizar o procedimento assine e envie a Junta Comercial. Verifique ainda os documentos necessários para que possam ser enviadas as cópias anexadas aos documentos dentro do prazo de sessenta dias, com a emissão do CNPJ, o empreendedor terá o alvará de funcionamento.

No vídeo abaixo você confere dicas de como montar um negócio próprio com baixo investimento:

SEBRAE-MG - Como abrir o próprio negócio com baixo investimento

Veja mais sobre montar o próprio negócio

Nenhum voto, seja o primeiro



Gabriele
27/11/13


Mais informações por email.

Deixe uma resposta

Para comentar você precisa realizar seu login com o Facebook